segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Semana Clarice Lispector Dia "C", 10 de dezembro

http://www.youtube.com/watch?v=9ad7b6kqyok&feature=player_embedded

Clarice Lispector: Aquarela sobre foto P&B

Semana Clarice Lispector Clarice nasceu no dia 10 de dezembro

‎"É tão difícil falar e dizer coisas que não podem ser ditas. É tão silencioso. Como traduzir o silêncio do encontro real entre nós dois? Dificílimo contar. Olhei pra você fixamente por instantes. Tais momentos são meu segredo. Houve o que se chama de comunhão perfeita. Eu chamo isto de estado agudo de felicidade".

"Vou criar o que me aconteceu. Só porque viver não é relatável. Viver não é vivível. Terei de criar sobre a vida. E sem mentir." A Paixão Segundo G.H.

Semana Clarice Lispector
‎"Ouve-me, ouve meu silêncio. O que falo nunca é o que falo e sim outra coisa. Quando digo "águas abundantes" estou falando da força de corpo nas águas do mundo. Capta essa outra coisa de que na verdade falo porque eu mesma não posso. Lê a energia que está no meu silêncio. Ah, tenho medo do Deus e do meu silêncio. Sou-me." Água Viva

8 comentários:

Telma Miranda disse...

"A lucidez incomunicável é a pior solidão". Pessoa disse, Clarice sabia. E nós, por obra deles, enlouquecemos enquanto nos tornamos mais lúcidos. Abraço longo de saudade. Telma.

Berzé disse...

Oi Carlos,
O Fabinho, lá da nossa aldeia, o Bichinho, falou dos livros q vc doou.
Obtigado e viva Clarice!
Berzé

Anne disse...

Por isso que eu me delicio com cada minuto da minha "insanidade"...

bjs
Anne

Eugenia Ribas Vieira disse...

carlos
esta imagem é linda, ainda mais com as flores amarelas.
beijos
eugenia.

Frau Mädchen disse...

Ah Clarisse..nomeia docemente os sentimentos que teimam em não sair do meu corpo...

Carla Dias disse...

Ahh Clarice..nomeia tão docemente os sentimentos que teimam em não sair de mim...

Thiago Ya'agob disse...

Ela acreditava em anjos e porque acreditava eles existiam.

Lispector.

Valéria disse...

...e se fez festa pra quem ela "chama"! "pessoas de alma já formada. Aquelas que sabem que a aproximação,do que quer que seja, se faz gradualmente e penosamente -atravessando inclusive o oposto daquilo que se vai aproximar."
"Para criar uma alma possível - uma alma cuja cabeça não devore a própria cauda."
Lacan diz no seminário XI que o olho é uma taça. Como ter o qto baste daquilo que transborda?
"Como direi agora que já então eu começara a ver o que só seria evidente depois?"
A fé é saber que se pode ir e comer o milagre...O amor já está,
está sempre. Falta apenas o golpe da graça - que se chama paixão."
"...só agora sei de como estive recebendo o sinal mudo. Eu olhava o interior da área." G.H.
Uma delícia ter lembrado o aniversário dela, obrigada Carlos Eduardo.
UM abraço.
Valéria